segunda-feira, 15 de junho de 2015

82 - Orquídea: Blc. Pastoral 'Ave Maria'

“Este híbrido combina o que há de melhor no gênero Brassavola, ou seja, o labelo franjado da Brassavola digbyana, com o tamanho e forma impecável das boas Cattleyas albas. Planta de fácil floração que produz quase sempre 2 ou 3 flores grandes com um perfume cítrico muito agradável. Existem diversos outros clones afamados deste cruzamento, como por exemplo podemos citar os seguintes: 1Innocence', ‘White Orb’, ‘Mônica’, ‘Aniel Carnier’, ‘Sandra’, ‘Rosee’ e ‘Pink Pearl’. Estes 2 últimos são de uma tonalidade lavanda suave muito bonita, enquanto os demais são plantas albas ou semi-albas[i]”.

Observação endógena: este híbrido foi adquirido em set. de 2012, para ser uma das minhas orquídeas semi-albas de maior destaque, pois naquele ano, eu não possuía outras orquídeas albas ou semi-albas de maior relevância. Porém, uma frustração se alastrou: ela demorava a florir, ao passo que eu ia adquirindo outras orquídeas semelhantes na cor, desde espécies a híbridos. Mas eis que em fev. de 2015, cerca de um ano e meio depois da aquisição, desponta um belo e imponente botão, rompendo a espata gigante!
E a flor é "fora de sério", supera qualquer expectativa - já positiva - porque é grande, de pétalas e sépalas com estruturas mais rijas, o labelo é repleto de brácteas e a mácula amarela se destaca em meio a uma brancura incrível!
 

[i] Disponível em: <http://orquideas-camp.blogspot.com.br/2012/06/hibrido.html> Acesso: fev. de 2014.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Amigos e Seguidores

Amigos no G+