segunda-feira, 27 de janeiro de 2020

328 - Orquídea: Epidendrum radicans var. alba

Adquirido em novembro de 2017, já era uma planta adulta, por isso não tardou a produzir a sua segunda floração (isto porque no ato da compra já veio com haste floral, por isso considerei como a primeira florada juntamente ao meu cultivo).
Este é daqueles Epidendrums que (em boas condições de cultivo) florescem praticamente o tempo inteiro, independentemente da estação climática).
Quanto a produção de keikes, ainda não pude constatar, mas acredito que irá produzir sim.

quarta-feira, 15 de janeiro de 2020

252 - Orquídea: Vanda falcata

A Famosa Orquídea Samurai de agradável perfume a noite.

Descrição: Neofinetia falcata (Thunb.) Hu, Rhodora 27: 107 (1925).
Basinômio: Orchis falcata Thunb. J. de A. Murray, Syst. Veg. ed. 14: 811 (1784).
Sinônimos:
Aerides thunbergii Miq. Ann. Mus. Bot. Lugduno Batavi-2: 205 (1866); Angorchis falcata (Thunb.) Kuntze, Revis. Gen. Pl.. 2: 651 (1891); Angraecopsis falcata (Thunb.) Schltr., Orchideen: 601 (1914);
Angraecum falcatum (Thunb.) Lindl., Coll. Bot.: T. 15 (1821);
Finetia falcata (Thunb.) Schltr., Beih. Bot. Centralbl. 36 (2): 140 (1918); Limodorum falcatum (Thunb.) Thunb., Trans. Linn. Soc. Londres 2: 326 (1794);
Nipponorchis falcata (Thunb.) Masam., Mem. FAC. Sci. Taihoku Imp. Univ. 11 (4): 592 (1934);
Oeceoclades falcata (Thunb.) Lindl., Gen. sp. Orquídea. Pl.: 237 (1833).
Oeceoclades lindleyi Regel, Gartenflora 15: 70 (1866);
Vanda falcata (Thunb.) Beer, Prakt. Stud. Orchid.: 317 (1854).

Natural/País: China, Japão e Korea.
Etimologia: Nome em homenagem a Finet Achille, botânico francês do séc. 19.

Características: pequenina espécie que os Samurais a procuravam em forma de agrado ao Imperador. Planta com lindas variedades em tons de rosa e lilás.
Clima: Subtropical - com 1 mês no mínimo e no máximo 8 em que a média térmica é inferior a 20°C.
Natural: Ásia; Epífita - Vivem fixas em árvores, cultiva muito bem em vasos e placas (50% ) de sombreamento.
Porte da Planta: Mini.
Tamanho da Flor: aproximadamente 8 cm diâmetro.
Florada: Inverno (cacho floral ereto simples); muitas flores (aprox. 15 dias); flor Branca (Alba), de odor Agradável Suave.
Plantio recomendado: caixeta.
Umidade/Regas: úmidas - regar de 5 à 7 vezes por semana (não deve secar); moderada ventilação.
Cultivo: pouca experiência[i]

Observação endógena: adquirida em agosto de 2014, produziu a primeira floração neste segundo semestre de 2019, ou seja, quatro anos depois. Mas valeu a pena a espera, afinal se trata de uma orquídea com características muito peculiares e elegantes. Apesar desta demora na sua floração, posso afirmar que tem sido de fácil cultivo. Estava sendo cultivada numa placa de madeira, mas recentemente a coloquei num vaso e estou avaliando a sua adaptabilidade.

domingo, 5 de janeiro de 2020

Phalaenopsis: orquídeas floridas em 2019

Para quem cultiva as orquídeas do gênero Phalaenopsis sabe que elas são a sua maior garantia de flores todos os anos, desde que estejam saudáveis. As suas floradas geralmente são abundantes, duradouras e coloridas e o mais legal é que são orquídeas que podem ser mantidas em interiores, por longos períodos.
Com os melhoramentos que veem sendo implementados neste gênero de orquídeas (as quais são difundidas comercialmente de maneira ampla), muitas delas florescem por longos períodos que abarcam praticamente quase o ano todo, dependendo um pouco da região de cultivo.
Como você poderá ver nas fotos, essas minhas Phalaenopsis floresceram em 2019 (umas em menor, outras em maior quantidade), mas todas o fizeram a partir do mesmo período do ano, estendendo-se por vários meses.

PHALAENOPSIS ESTRIADA (MINI)

PHALAENOPSIS PINTALGADO

PHALAENOPSIS LISTRADO X PINTADO

PHALAENOPSIS BRANCO COM PINTAS

PHALAENOPSIS MINI

PHALAENOPSIS EXÓTICO X DÁLMATA

PHALAENOPSIS ROSA COM PINTAS

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Amigos e Seguidores