quarta-feira, 27 de junho de 2012

43 - Orquídea: Polystachya estrellensis

"É um gênero de orquídea nativa da América tropical e subtropical e Ásia. Flores pequenas, agrupadas em espigas de forma piramidal na haste floral favorece uma vista agradável. É comumente encontrado no sudeste do Brasil. Neste país nós temos 2 ou 3 espécies pertencentes a este gênero". 

"Foram registradas, inicialmente, para Alagoas, 3 espécies de Polystachya, a saber: P. caespitosa Barb. Rodr. E P. estrellensis Reichbº. Fº; logo a seguir: P. concreta Garay et Sweet. Cerca de 5 anos após estas primeiras constatações, 1986, encontramos P. Hoehneana KRZL – de longa sobrevivência sobre ramos de arbustos, como salgueiro. (...) essas espécies perdem as folhas periodicamente, mas, com satisfatório suprimento de água, não tarda a renovação das mesmas".
"É notável a reprodução de Polystachya estrellensis, em virtude da abundância de suas pequeninas cápsulas, dispersando infinidade de férteis sementes, que germinam sobre os vasos vizinhos, até nas vigas do ripado. Sua dispersão é vasta, no território alagoano, desde pontos mais elevados, 450/500 m, até nos tabuleiros" (Álbum das Orquídeas de Alagoas, 2000, p. 259).

Observação endógena: esta foi adquirida estando muito miúda e frágil; temia-se, portanto, até mesmo o seu fim; porém, acabou se recuperando bem e no decorrer desse tempo cresceu vagarosamente, mas com certa qualidade. Comumente exibe flores quantitativa e qualitativamente satisfatórias; um ramalhete com pequeninas flores, característica das micro.

2 comentários:

  1. linda planta, super saudável, parabéns pelo cultivo
    abraços

    ResponderExcluir
  2. Obrigado Bete. É tão gratificante quando percebemos suas flores; é a prova de que estão se desenvolvendo bem. Abraço.

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Amigos e Seguidores